segunda-feira, 21 de março de 2011

Glandulas de veneno


O Veneno das serpentes, peçonha, é uma secreção tóxica das parótidas – as glândulas de veneno, que situam-se abaixo e atrás dos olhos e estão em conexão com as presas inoculadoras. É um líquido viscoso, branco (levemente turvo) ou amarelo, resultante de uma mistura de muitos protídeos, uns tóxicos e outros inócuos, e de substâncias orgânicas e inorgâncias micromoleculares.As glandulas sao na verdade Nada mais que glândulas salivares modificadas, que produzem toxina,Como uma espécie de saliva modificada. Estas glândulas estãoConectadas a dentes especiais (presas inoculadoras ) através de pequenosCanais ou ducto ( sulcos).Quando ocorre um bote, o veneno é eliminado pela contração daMusculatura que envolve as glândulas. A toxina armazenada nasGlândulas tem reserva para vários botes seguidos. Quando seExtrai a toxina esvaziando as glândulas completamente, elas voltamA estar cheias num período Maximo de duas semanas .


Nenhum comentário:

Postar um comentário