quinta-feira, 26 de maio de 2011

Sucuri

A sucuri é um réptil muito temido por ribeirinhos , por ser um animal de porte grande. É um animal Sul - Americano , pode viver até 30 anos e tem fama de ser perigosa e de atacar pessoas.
É muito comum em todas as regiões do Brasil, mas predominado mais no Pantanal e Amazônia.
Sua reprodução é de forma sexuada, ou seja os filhotes são gerados no interior do corpo da mãe.
As fêmeas são maiores que os machos, atingindo maturidade sexual por volta dos seis anos de idade.
Sua ninhada pode chegar até 30 filhotes ou mais, que ja nascem totalmente formados e prontos para se alimentarem.Ela se alimenta de tudo que se aproxima do rio em que habita, pequenos roedores até um bezerro de porte médio, existe ainda casos de ataques a seres humanos, dos quais alguns são mentirosos , mas não é só conversa de pescador não, ela pode atacar e devorar uma pessoa. Pode atingir até 10 metros, é uma das espécies de cobras que nunca para de crescer, mas nem sempre consegue chegar a isso tudo, por ser vista como vilã na história,onde mata e come pessoas. A Sucuri é um animal extremamente importante para a natureza, atuando no controle de algumas espécies que se reproduzem muito rápido, como as capivaras, que em grande número pode destruir plantações inteiras.Não é uma espécie venenosa, mas possue dentes dos quais ela agarra a presa e enrrola -se nela, quebrando seus ossos para depois devorar. Existem quatro espécies, das quais as três primeiras ocorrem no Brasil:
Sucuri - Amarela

A sucuri-amarela é menor que a sua prima, a sucuri-verde, e por isso tem uma variedade menor de presas, sua alimentação consiste basicamente de peixes, aves, pequenos roedores até capivaras jovems. Atinge cerca de 4 metros de comprimento e 70 kg e habita pântanos e brejos,mas é mais facilmente encontrada no Pantanal.














Sucuri - Verde
A sucuri-verde ou sucuri-preta (Eunectes murinus) é a maior e mais conhecida das espécies existentes de sucuri. É encontrada na América do Sul, nas regiões alagadas onde há presas em abundância: jacarés e capivaras. Geralmente, evitam contato com humanos, e quando se sentem molestadas, o mínimo que pode acontecer é reagir com uma mordida à pessoa. Raros são os casos de pessoas serem ingeridas, isso só acontece quando o animal está com muita fome. Vivem a maior parte do tempo submersas, pois na água é onde elas são mais rápidas, ficando mais fácil a captura dos alimentos.

Sucuri - Malhada
A sucuri-malhada (Eunectes deschauenseei) é a menor espécie do gênero Eunectes, se alimentando de pequenos animais, como peixes e anfíbios. Ocorre no leste do Pará (incluindo a ilha de Marajó) e na Guiana Francesa, podendo chegar a cerca de 3 metros de comprimento e 60 kg.

Sucuri da Bolívia
A sucuri-da-bolívia é uma cobra parente da sucuri-verde; sua alimentação não é muito variada, indo de peixes e aves até pequenos roedores. Atinge aproximadamente de 4 metros de comprimento e 50 kg.Habita o Pantanal (Brasil) e o Chaco da Argentina, Paraguai e Bolívia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário